Cannabis Medicinal Notícias

EUA dá novos passos em direção à legalização da cannabis

COMECE SEU TRATAMENTO AGORA

Os EUA estão caminhando para legalização da cannabis em todos os aspectos que envolvem a planta, isto é, no que diz respeito ao seu uso medicinal, industrial e adulto.

Na última  eleição realizada no país no dia 03 de novembro, cinco novos estados aprovaram um total de seis iniciativas eleitorais para programas de legalização da cannabis.

Os eleitores de quatro destes estados (Arizona, Nova Jersey, Montana e Dakota do Sul) votaram favoravelmente à adoção de medidas para permitir o uso adulto da cannabis, elevando para 15 o número total de estados que a aprovaram para esse fim. 

Por sua vez, os eleitores de dois estados (Mississippi e Dakota do Sul) votaram pela legalização da cannabis para o uso medicinal, elevando para 35 o número total de estados que a aprovaram para este fim.

Em matéria publicada pela CNN Internacional, o especialista em política de cannabis e vice-diretor da Brookings Institution John Hudak disse:

“Elas passaram com uma esmagadora maioria; elas não eram disputas acirradas. Esta é uma vitória retumbante para a cannabis.”

Consequentemente, estas medidas fizeram com que a maioria dos americanos (cerca de 234 milhões de pessoas) passassem a viver com acesso legal à cannabis.

Bethany Gomez, diretora-gerente do Brightfield Group, uma empresa de pesquisa e análise de mercado especializada na indústria de cannabis, projeta que a indústria de cannabis de uso adulto e medicinal dos EUA terá vendas de US $ 19 bilhões em 2020; crescerá para US $ 24 bilhões em 2021 e, com a chegada destes novos estados, além da provável integração do estado de Nova York, chegará a cerca de $ 45 bilhões em produtos comercializados até 2025.

Simultaneamente, o apoio popular à legalização da cannabis nos EUA vem crescendo consideravelmente nas últimas décadas.

É o que mostra recente pesquisa publicada pela Gallup, empresa global de análise e consultoria.

Referida empresa mediu pela primeira vez as opiniões do público sobre a legalização da cannabis em 1969, ocasião em que 12% dos americanos a apoiaram.

Em nova pesquisa realizada em 1977, o apoio já havia mais do que dobrado para 28%. 

Este número veio crescendo até chegar aos 68% registrados na última pesquisa.

O gráfico abaixo mostra como se deu este crescimento desde a realização da primeira pesquisa.

blank

É notável que a trajetória de apoio do público à legalização da cannabis tem coincidido com o número crescente de estados que estão aprovando a sua utilização.

Assim sendo, com estes novos estados legalizando a cannabis de alguma forma, o impulso social e econômico certamente irá expandir o mercado regulamentado no país. 

Não resta dúvidas que o crescimento da receita tributária, a geração de empregos e as possibilidades de sua utilização no campo farmacêutico e medicinal estão impulsionando os estados a considerarem a cannabis legalizada pelos conhecidos benefícios que ela traz.

Esperamos que estas iniciativas sirvam de exemplo para que nossos congressistas tratem o assunto de forma racional, levando em consideração a ciência e dados objetivos que comprovam que a cannabis tem amplo espectro de utilização e traz inúmeros benefícios para a sociedade como um todo.

COMECE SEU TRATAMENTO AGORA
blank

Autor

ReMederi

A Remederi é uma empresa brasileira de saúde, com a missão de promover qualidade de vida por meio do acesso a produtos, serviços e educação sobre Cannabis medicinal.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

plugins premium WordPress
remederi, anvisa

A REMEDERI preza pela saúde dos seus pacientes. Ancorados na transparência e lisura, estamos evoluindo para atender todas as regras sanitárias brasileiras da ANVISA e nos adequando à Portaria 344/1998 do MS e da RDC 96/2008, RDC 327/2019 e 660/2022.